Sergipe

12/04/2016 às 15h28

Sergipe tem aumento de 21% na apreensão de armas de fogo no 1º trimestre

SSP/SE

Um levantamento apresentado pelo Comando Geral da Polícia Militar de Sergipe na manhã dessa segunda-feira (11), em entrevista coletiva na Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP/SE), apontou um aumento no número de apreensões de armas de fogo no primeiro trimestre de 2016.

Só este ano foram retiradas de circulação 287 armas de fogo, representado um aumento de mais de 21% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram apreendidas 237 armas.

Ainda durante a coletiva, o comandante geral da PMSE, coronel Marcony Cabral, apresentou os dados referentes à atuação das Unidades, tanto na capital quanto interior do Estado, no tocante aos trabalhos preventivos - que visam prevenir o cometimento do delito, a exemplo de abordagens a veículos; quanto repressivos (quando o crime já ocorreu), efetuados no mês de março.

Segundo o balanço, só na capital, as unidades do 1º, 5º e 8º Batalhões conseguiram realizar a apreensão de 16 armas de fogo e a condução de 552 pessoas por crimes diversos, com destaque para as operações realizadas pelas companhias do 8º Batalhão, principalmente no Centro de Aracaju, Capucho e Bairro Industrial; do 5º Batalhão, nas áreas de Nossa Senhora do Socorro, Laranjeiras, Maruim e Riachuelo; e do 1º Batalhão, nos bairros Coroa do Meio, Atalaia, Santa Maria e Zona de Expansão, resultando na apreensão de oito armas de fogo e na condução de 399 pessoas pela prática de delitos.E no interior do Estado, as atividades desenvolvidas pelas Companhias dos 2º (Propriá), 3º (Itabaiana), 4º (Canindé), 6º (Estância), 7º (Lagarto), 9º (Carmópolis) e 10º (Nossa Senhora das Dores) Batalhões resultaram na apreensão de 26 armas de fogo e na condução de 387 pessoas envolvidas na em crimes, com destaque para Companhias do 6º e 9º Batalhões, responsáveis pela apreensão de seis armas e na condução de 105 pessoas às delegacias.

Para o secretário de Segurança Pública, João Batista, o bom resultado no combate à criminalidade se deve ao empenho dos policiais e aos investimentos feitos pelo governo do Estado na área de segurançapública. “Recebemos o incremento de mais 357 novos soldados da Polícia Militar este ano, que estão sendo empregados no policiamento operacional e assim aumentando a sensação de segurança da população. Aliada a esta medida, os policiais militares têm se empenhado no cumprimento da preservação e manutenção da ordem pública”, finalizou João Batista.


Fonte: SSP/SE