Sergipe

14/03/2016 às 06h54

Empresa Torre diz que a CAVO descumpriu o edital e não começou os serviços na data determinada

Torre Empreendimentos

A TORRE Empreendimentos vem a público esclarecer alguns fatos e rebater nota divulgada pela Assessoria de Imprensa da Emsurb, onde foram divulgadas informações equivocadas.

1) O contrato da Prefeitura de Aracaju com a TORRE, para coleta do lixo, terminou no dia 09/03/2016. Tanto é verdade que o Edital para contratação emergencial determinava que a empresa vencedora iniciasse suas atividades imediata e integralmente no dia 10/03/2016. Isso está bem claro no texto, vide o último parágrafo, onde consta a obrigatoriedade do início dos serviços em 10/03/2016. Segue em anexo cópia do Edital,  para comprovação. Portanto a CAVO descumpriu o Edital.

2) A paralisação dos serviços se deu por encerramento do contrato;

3) O acúmulo de lixo na cidade se dá em razão da empresa CAVO ter descumprido o edital, não iniciando os serviços na data determinada, 10/03. A Torre cumpriu regularmente suas atividades, durante a vigência do contrato.

4) Ademais, a CAVO até o momento não colocou a quantidade de equipamentos determinados e necessários para o serviço. A empresa está trabalhando com apenas 6 (seis) caminhões compactadores quando o necessário num momento como este, seriam  40;

5) A CAVO, contrariando o Edital e as normas do CONAMA e da ABNT, está coletando lixo com caminhão caçamba basculante, com empregados ficando em cima do lixo, sem nenhuma segurança. Além disto, este procedimento infringe as leis trabalhistas e a legislação de trânsito, quando permite pessoas sendo transportadas em cima de um caminhão caçamba basculante. A Cavo está forçando os trabalhadores desta categoria a trabalhar num amontoado de lixo. Trata-se de um verdadeiro constrangimento aos funcionários, numa flagrante situação análoga ao trabalho escravo;

6) A CAVO também não colocou em operação as 4 (quatro) pás-carregadeiras para o serviço de recolhimento de entulho, disponibilizando apenas 1 (uma) retroescavadeira, cometendo mais uma irregularidade contratual;

Lembramos que a TORRE possui 23 anos de experiência na prestação deste serviço em Aracaju. Durante todo este tempo o trabalho da empresa foi reconhecido em todo o país, por turistas, aracajuanos e toda a imprensa – o que foi confirmado diversas vezes através de várias pesquisas. A limpeza urbana realizada pela TORRE foi sempre o serviço público mais bem avaliado em Aracaju, colaborando para que a capital sergipana fosse reconhecida como uma das cidades mais limpas do país e como a capital da qualidade de vida.

Por fim, a TORRE se coloca à disposição da municipalidade,  com seus equipamentos completos e pessoal especializado para auxiliar na limpeza emergencial da cidade e regularizar a situação, visando minimizar o sofrimento da população.

 


Fonte: Torre Empreendimentos