Sergipe

11/02/2016 às 10h48

Carnaval foi de redução de acidentes de trânsito e mais pessoas autuadas por embriaguez

Redação Portal A8

A Companhia de Polícia Rodoviária Estadual (CPRV) e a Companhia de Policiamento de Trânsito (Cptran) apresentaram na manhã desta quinta-feira (11), no Comando do Quartel General (QCG) os dados da Operação Lei Seca em todo o estado de Sergipe. De forma geral, os dados apresentados revelam que 247 pessoas foram autuadas, com um aumento de mais 400% por cento de acréscimo de medidas administrativas.

Para o comandante da CPRV, Major Fábio Machado, o objetivo foi alcançado com a redução de mais de 58% de acidente de trânsito em relação ao ano passado, e as mortes uma redução de 80%, em 2015 foram 5 mortes por acidentes de trânsito e este ano foi registrada uma morte nas rodovias estaduais.

Segundo o comandante a Lei seca foi o diferencial da operação este ano, sendo 85 condutores autuados por embriaguez, desse 85, 28 foram presos um aumento mais de 400 % . “Foi comprovado que a Lei Seca contribui de forma direta para a redução de acidentes de trânsito”, reforça. A multa é no valor de R$ 1915, 40 e aplicação da suspensão do direito de dirigir e aqueles que atingem o índice do teor alcoólico acima de 0,33 é conduzido à delegacia.

A comandante da CPTRAN Manuela, disse ainda que a aconteceu uma postura diferenciada este ano, porque o Denatran emitiu uma portaria que poderíamos ter um enquadramento específico só pelo fato de convidar o condutor a utilizar o bafômetro. “Existe um enquadramento para isso que se chama recusa simples, através desse artífice conseguimos aumentar o número de abordagens. Apesar das campanhas educativas de não ingerir bebida alcoólica, infelizmente o condutor sergipano continua dirigindo e bebendo”, explicou.