Sergipe

17/12/2015 às 08h10

Governo implantará sistema de classificação de risco para pronto atendimento do Ipesaúde

ASN

Uma nova sistemática de atendimento que priorizará os casos mais graves e com riscos à vida do paciente. Esta é a perspectiva que se apresenta no Serviço de Pronto Atendimento do Ipesaúde (SPA), com a adoção do sistema de classificação de risco que, obedecendo a protocolos de referência internacionais, buscará dar um acolhimento em menor tempo aos casos de maior gravidade.

De acordo com o diretor técnico do SPA, o médico Wagner Andrade, com essa nova metodologia, o serviço dinamizará o fluxo de atendimento, minimizando, inclusive, os potenciais riscos de morte em algumas ocorrências. “Com esse novo protocolo, nós avançaremos e agilizaremos o atendimento, reduzindo o tempo para identificação e triagem das ocorrências que chegarem ao SPA”, explica o diretor.

O novo protocolo de atendimento a ser implantado é baseado no chamado “Critério de Manchester”, que classifica por cores os níveis de gravidade dos respectivos atendimentos.  O vermelho refere-se à emergência; o amarelo refere-se a atendimentos de urgência, o verde, que refere-se a atendimentos de pouca urgência; e a cor azul, que representa atendimentos não urgentes.

O processo de triagem, que antes era feito por um atendente, a partir desta modificação, será realizado por um profissional de Enfermagem com a devida capacitação para atender aos requisitos desse novo protocolo, otimizando o fluxo e a identificação das necessidades emergenciais.

Estrutura Física

O diretor informou ainda que, além das medidas de capacitação de pessoal para implantação do novo sistema, serão providenciadas mudanças no espaço físico para comportar a nova sistemática. “Neste processo, nós já trabalhamos até com um novo projeto arquitetônico que privilegiará essa nova dinâmica. Nossa estimativa é de que até junho de 2016, a classificação de risco já esteja plenamente implantada no SPA, oferecendo, cada vez mais, um atendimento eficiente aos nossos beneficiários”, revela o diretor Wagner Andrade.

O SPA atende 24 horas, diariamente, ao lado do Hospital da Polícia Militar (HPM), situado à avenida Minas Gerais, 1100, bairro 18 do Forte. 


Fonte: ASN