Sergipe

10/12/2015 às 16h43

Suzana Azevedo e Angélica Guimarães são absolvidas pelo TRE

Redação Portal A8

No final da tarde desta quinta-feira (10) ex-deputadas estaduais Maria Angélica Guimarães Marinho e Susana Maria Fontes Azevedo foram absolvidas durante julgamento no Tribunal Regional Eleitoral, em Aracaju. A representação do Ministério Público Federal (MPF) contra as ex-deputadas foi julgada improcedente.

O processo é resultado das investigações da Procuradoria Regional Eleitoral em Sergipe (PR/SE) de repasse irregular e desvios de recursos das verbas de subvenção da Assembleia Legislativa do Estado.

A PR/SE tinha pedido o reconhecimento da gravidade da conduta das duas ex-deputadas estaduais, que atualmente ocupam o cargo de conselheiras do Tribunal de Contas de Estado

Ex-deputado Antônio Passos

O ex-deputado estadual Antônio Passos também foi absolvido durante o julgamento no TRE.

Relembre o caso

Em dezembro de 2014, a Procuradoria Regional Eleitoral em Sergipe (PRE/SE) ajuizou 25 ações contra 23 deputados da legislatura vigente à época na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), por irregularidades no repasse e na aplicação de verbas de subvenção social. Também foi processada a ex-deputada e atual conselheira do Tribunal de Contas do Estado, Suzana Azevedo. Além de os valores terem sido repassados ilegalmente, por conta de proibição na legislação eleitoral, o levantamento inicial identificou pelo menos R$ 12,4 milhões desviados de sua finalidade.