Sergipe

03/12/2015 às 17h53

Hemose reforça atividades para preparação do estoque de sangue no período de festas

Assessoria/Hemose

O Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose) intensifica as ações de sensibilização, captação de novos doadores e preparação do estoque para o período das festas de final de ano e férias escolares. Entre as atividades, o convite para que os voluntários e parceiros possam renovar a doação individual, bem como as mobilizações em grupos.

A gerente de Coleta do Hemose, enfermeira Florita Aquino, faz o convite à população sergipana para a necessidade da doação em dezembro, último mês do ano, e janeiro, mês de férias. "O Hemocentro necessita de todos os tipos de sangue, para suprir a necessidade da rede hospitalar que diariamente realiza transfusão em pacientes submetidos a cirurgias de grande porte, como cardíacas, ou ainda pacientes em tratamento oncológico”, explicou.

De acordo com dados do Hemocentro os tipos sanguíneos O, A e B positivos são mais frequentes na população, já o AB positivo e os de fator RH negativo são menos incidentes. “Para o sangue tipo O negativo, que é o doador universal, a necessidade na busca desses doadores é mais habitual”, destacou a enfermeira, explicando que a conscientização da população é necessária para manter um estoque permanente, no intuito de atender a demanda diária da rede hospitalar.

Essa consciência da importância da doação é o principal estimulo do corretor de imóveis, Fernando Oliveira, que a cada três meses retorna ao Hemose para doar sangue. Nesta terça-feira, 1º de dezembro, ele fez a última doação de 2015. “Não sei informar ao certo há quanto tempo sou doador, mas são muitos anos de contribuição”, comentou, afirmando ainda que ajudar é bom, não interessa a quem. “Sempre tem alguém precisando”, ressaltou.

Os amigos José Carciel dos Reis Santana e Valfran Alves Torres, também passaram pelo Hemose no primeiro dia de dezembro. Carciel doou para cirurgia da sogra e levou o amigo para conhecer o serviço. “Sempre tive curiosidade em saber como era a doação de sangue. Também vejo na televisão as reportagens, por isso aproveitei que estava aqui para ajudar”, acrescentou Valfran.

Doação de sangue

Estão aptos a doar sangue candidatos em bom estado de saúde, idade entre 16 anos completos e 69 anos e peso acima de 50 Kg. Menor de 18 anos somente com termo de autorização dos pais ou responsável legal. É necessário portar documento de identidade original e com foto, válido em todo território nacional. A unidade funciona diariamente de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 17h30, e aos sábados e feriados, das 7h às 11h. Mais detalhes sobre o serviço de doação, palestras e hemotur, através dos telefones (79) 3225-8000, 3225-8039 e 3259-3174.


Fonte: Assessoria/Hemose