Sergipe

27/10/2015 às 10h49

Mulher desmaia em fila de espera na Unidade de Saúde da Família do Lamarão

Redação Portal A8

Portal A8SE
A equipe do portal A8 flagrou na manhã desta terça-feira (27), por volta das 6h30, uma mulher desmaiada na porta da Unidade de Saúde da Família, Carlos Fernandes Melo, no bairro Lamarão. Rosangela Gomes da Silva, acompanhava a filha para uma consulta quando passou mal e desmaiou.

Segundo a filha de Rosângela, a mãe sentou em um banco e logo depois caiu. “Ela veio comigo, pois vim mostrar uns exames. Quando ela desmaiou tinha funcionário no posto, mas ninguém veio ajudar, também liguei para o SAMU, mas eles disseram que não poderiam vir”, relatou.

Com a chegada da equipe de reportagem, a diretora da Unidade se aproximou e o repórter do programa Fala Sergipe, da Rádio Mix FM, Douglas Magalhães, foi quem levou a mulher para dentro do posto e a colocou em uma maca, após ficar meia hora deitada no chão, desacordada.

O repórter precisou levar a mulher para o interior da Unidade/ Portal A8SE

No local os usuários reclamam que diariamente é preciso chegar de madrugada para ficar na fila e conseguir senha para atendimento. A população também reclama quem muitas vezes os médicos só chegam ao meio dia.

De acordo com a assessoria da Secretaria Municipal de Saúde, a senhora foi atendida e foi verificado que ela teve um mal estar momentâneo. Ela teve a pressão e a glicemia aferidas e foi liberada em seguida.

Sobre a falta de médicos, a assessoria explicou que são três médicos que atendem na Unidade, sendo que hoje um deles foi liberado para turno de estudo e outro estava em uma capacitação sobre dengue e chikungunya, o terceiro estava no plantão. Ainda segundo a Secretaria, na Unidade não são atendidas especialidades e os médicos são clínicos gerais, que atendem das 7h às 17h, com intervalo para o almoço. Por dia cada profissional atende entre 15 a 20 pacientes.