Sergipe

21/10/2015 às 13h31

Ministério Público emite nota sobre caso envolvendo funcionário terceirizado

Redação Portal A8

O Ministério Público de Sergipe vem a público esclarecer, levando em conta as recentes declarações do Senhor Robson Hamilton dos Santos, que conduzia o veículo AMAROK, placa OEP-3683, de propriedade desta Instituição, apreendido na Delegacia Plantonista de Polícia Civil da Capital, na manhã do dia 21/10/2015. O MP assim se manifesta:

O MP informa que o Senhor Robson Hamilton, contratado por empresa privada especializada em recursos humanos prestava serviço terceirizado e temporário ao Órgão Ministerial, em substituição a outro funcionário da mesma empresa.

Que o Senhor Robson Hamilton, no dia 20/10/2015, trabalhou conduzindo o citado veículo no período de 7h às 14h, horário no qual deveria ter retornado à garagem da Instituição. No entanto, o funcionário descumpriu o rigoroso protocolo e não retornou com o automóvel, conforme as regras estabelecidas.

Após detectar a situação de anormalidade, a Divisão de Transportes informou à Administração Superior, que imediatamente adotou as providências cabíveis no sentido de apurar o ocorrido. O esclarecimento dos fatos foi possível através da atuação do GSI – Gabinete de Segurança Institucional em parceria com a Polícia Civil.

Diante do Temo de Declaração lavrado na Delegacia de Polícia, e da gravidade das constatações, o Ministério Público de Sergipe, reforçando seu papel de zelar pelo patrimônio público e combater a criminalidade, informa que o Senhor Robson Hamilton dos Santos foi desligado, imediatamente, da prestação de serviços no Órgão Ministerial.