Sergipe

19/10/2015 às 10h53

Obras do novo acesso a Aracaju serão concluídas em dezembro

Redação Portal A8

Foto: ASN
Um novo acesso à capital sergipana está sendo construído. Com recursos provenientes do programa Sergipe Infraestrutura no valor de R$ 24.118.259,84, sendo R$ 7,6 milhões destinados a desapropriações de terrenos e casas, a obra compreende o prolongamento da avenida Maranhão até o entroncamento com as rodovias BR-101 e BR-235 no município de Nossa Senhora do Socorro.


Em visita ao canteiro de obras nesta semana, o secretário de Estado da Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano, Valmor Barbosa, declarou-se satisfeito com o andamento dos trabalhos. “Devido ao longo período chuvoso, as obras foram paralisadas por um tempo a mais do que o esperado, no entanto os serviços foram retomados e atualmente 50 profissionais trabalham de segunda a sábado a fim de manter a celeridade da obra”, explica.


“Além da continuidade de terraplenagem em quase toda a extensão da rodovia, estão sendo executados os serviços de dreno profundo, aplicação da camada de sub-base e o aterro dos passeios e da ciclovia, o que implica dizer que 60% dos serviços já foram concluídos e, a cada semana, o aspecto estará diferenciado”, detalha.


Rodovia


A nova rodovia possibilitará um novo corredor de acesso a Aracaju para quem vem pela BR-235 no sentido Itabaiana ou pela BR-101 no sentido Norte em direção ao centro da capital através das avenidas Santa Gleide, Maranhão e Coelho e Campos.


A via com 4 km de extensão terá duas pistas de rolamento de nove metros cada uma, passeios laterais com dois metros cada, canteiro central com passeios de dois metros à esquerda e à direita, além de uma ciclovia ao centro, o que totaliza 28 metros de largura, e haverá ainda iluminação no canteiro central em toda a sua extensão.


Valorização


Moradora do povoado Boa Viagem, às margens da rodovia, a dona de casa Joselita dos Santos Silva, 31, não vê a hora de a obra ficar pronta. “Vai ser muito para nós. Antes a pista era estreita e ruim para passar. Em dias de chuva só dava para andar de botas e para mim, que tenho seis filhos, era terrível. Com essa nova estrada acredito que teremos mais acesso aos ônibus”, afirma.


De acordo com Valmor Barbosa, a obra é mais um grande avanço na mobilidade urbana da capital. “Ao construir essa rodovia o Governo do Estado não pensou apenas em criar um acesso à capital, mas, sobretudo, facilitar a mobilidade urbana das centenas de moradores de bairros e povoados situados à sua margem, valorizar uma área um tanto esquecida, ampliar o crescimento do comércio, além de contribuir de maneira significativa para o descongestionamento do trânsito, principalmente nas primeiras horas da manhã e no início da noite, o que reafirma o compromisso em cada vez mais levar melhores condições de vida aos sergipanos”, enfatiza.