Mundo

31/01/2016 às 11h06

Zika vírus pode ter maior impacto na saúde global do que ebola

R7

Especialistas ouvidos pelo jornal britânico The Guardian disseram que o surto do zika vírus na América Latina pode ser uma ameaça muito maior para a saúde global do que a epidemia de ebola, que matou mais de 11 mil pessoas na África em 2014.

Segundo Jeremy Farrar, chefe do Welcome Trust, a maioria dos portadores do vírus são assintomáticos, ou seja não apresentam sintomas. É uma infecção silenciosa em um grupo de indivíduos altamente vulneráveis​, as mulheres grávidas, e está associada ao aumento do caso de bebês com microcefalia.

Então, com pelo menos 80% das pessoas infectadas não apresentando sintomas, acompanhar a doença é extremamente difícil e isso gera mais espaço para a sua propagação.

A espécie de mosquito que espalha o zika, Aedes aegypti, tem se expandido muito ao longo das últimas décadas.

O grande problema é que diferentemente do ebola, o zika vírus foi pouco estudado pela comunidade médica e caso uma vacina seja desenvolvida, teria que ser testada em mulheres grávidas, o que seria um pesadelo ético e prático, acrescentou o jornal britânico.


Fonte: R7