Esportes

21/03/2016 às 10h00

Confiança sai na frente, mas Sergipe corre atrás e vira o jogo no clássico

Redação Portal A8

Confiança vinha embalado depois da vitória diante do Flamengo pela Copa do Brasil, o Sergipe demitiu Roberval Davino e contratou o ex-goleiro Clemer como substituto, ingredientes para fazer um clássico cheio de emoções. E os torcedores colorados que foram ao Batistão na tarde de ontem (20) saíram satisfeitos, viram seu time vencer o arquirrival de virada por 2 a 1.

A torcida azulina agitava metade do Batistão, depois de vencer o todo poderoso Flamengo vinham embalado para manter a liderança do estadual. Do outro lado estava uma torcida quieta e aguardando para ver como o time se comportaria com a chegada de Clemer, mas o final seria bom para o “ mais querido”.

O time do bairro Industrial entrou com poucas modificações em relação ao time que enfrentou o rubro negro carioca, o Sergipe entrou bem diferente de como Roberval montava o time. As equipes desde o início da partida procuraram o ataque com predomínio do Confiança até os 15 minutos, quando após um erro no meio de campo colorado Danilo Bala recebeu no meio, conduziu a bola e tocou na direita para Kível que sozinho ajeitou e chutou cruzado, estufando as redes do Sergipe e abrindo placar para o dragão.

Foto: Gleyson Prado
A pressão do time azul durou apenas até o primeiro gol, depois disso o Sergipe passou a comandar a partida, originando os melhores lances da partida, o meio de campo colorado conseguia trabalhar a bola, aos 30 minutos após cobrança de escanteio e bate rebate dentro da área, o zagueirão Carlos Henrique tirou em cima da linha, evitando que o Confiança ampliasse o placar, apesar do susto o time rubro continuava pressionando, e tanta pressão resultou no gol de empate nos acréscimos. O colorado teve uma falta a seu favor na entrada da área e o capitão Fábio Paulista cobrou com categoria e sem chances para Sandes, golaço de falta e empatando a partida 1 a 1.

O gol no final do primeiro tempo, deu um gás maior para o time do bairro Siqueira Campos no segundo tempo, o Sergipe foi pra cima com tudo e aos 10 minutos veio a virada. Calyson cruzou e o zagueiro azulino Valdo se atrapalhou na hora de “cortar” o cruzamento acabou mandando contra o próprio patrimônio, 2 a 1 Sergipe.

O Confiança não se abateu e tentava chegar ao gol de empate e talvez tentar a virada, e foi por pouco. Aos 20 minutos após escanteio, Valdo tentou se redimir, numa bela bicicleta carimbou a trave de Córdova, mas era o Sergipe que chegava com mais perigo, mas o placar ficou por isso mesmo no Batistão, Sergipe dois, Confiança um.