Esportes

21/12/2015 às 09h37

Blatter e Platini são suspensos por 8 anos da Fifa

Redação Portal A8

O presidente suspenso da Fifa, Joseph Blatter, e o presidente da Uefa, Michel Platini, foram banidos da entidade por oito anos nesta segunda-feira (21) em uma decisão do Comitê de Ética da Fifa.

Os dirigentes, que também foram multados, estavam suspensos por 90 dias em outubro enquanto uma investigação era realizada sobre um pagamento de 2 milhões de francos suíços (cerca de R$ 8 milhões) da Fifa a Platini em 2011. Ambos negaram qualquer transgressão.

A decisão, que aconteceu em meio à escalada de um escândalo de corrupção ao redor da Fifa, significa que o legado de 17 anos de Blatter no comando da organização terminará em desgraça, e acaba com as esperanças de que Platini pudesse substituir o suíço de 79 anos nas eleições presidenciais, em fevereiro.

Platini, ex-meia da seleção francesa que foi um dos melhores jogadores de sua geração e liderava a Uefa desde 2002, era o favorito para ganhar a eleição até ser suspenso.

A investigação teve início após decisão do procurador-geral suíço de iniciar procedimentos criminais contra Blatter pelo pagamento a Platini. A Procuradoria também está investigando a indicação das Copas de 2018 e 2022 para a Rússia e Catar, respectivamente.

Promotores dos Estados Unidos indiciaram 42 pessoas e entidades na investigação sobre a corrupção no futebol, incluindo os ex-presidentes da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) José Maria Marin e Ricardo Teixeira e o atual presidente licenciado da entidade, Marco Polo Del Nero.

Dirigentes de todas as Américas estão entre os réus no caso, que os promotores dizem envolver 200 milhões de dólares em propinas e subornos ligados a direitos de marketing e de transmissão de eventos de futebol.