Brasil

29/06/2016 às 15h19

Temer concede reajuste de 12,5% no Bolsa Família

R7

O presidente interino Michel Temer anunciou no fim da manhã desta quarta-feira (29) reajuste de 12,5% no Bolsa Família. Além disso, ele também liberou R$ 740 milhões para Estados e municípios investirem na educação básica. 

O comunicado foi feito no fim da manhã, em cerimônia no Palácio do Planalto. O aumento concedido por Temer é maior do que os 9% prometidos pela presidente Dilma Rousseff, no dia 1º de maio, antes de ser afastada no processo de impeachment. 

Em discurso, o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, alfinetou a petista. 

— Nós pretendemos, apesar das críticas que recebemos, mostrar que é uma prioridade do governo a questão social, que essa prioridade se reflete em uma ação concreta e não em um discurso [em que Dilma prometeu o reajuste], como foi feito pelo governo passado. A partir do mês que vem já começa a ser pago.

A equipe de Temer tem uma preocupação especial em identificar fraudes ou distorções no recebimento do Bolsa Família. Logo após ter assumido, ele já prometeu uma auditoria nos programas socais.

Atualmente, o programa contempla cerca de 14 milhões de famílias. O governo gasta, em média, R$ 2,3 bilhões por mês com o projeto de transferência de renda, com o valor médio de R$ 163,57 por família.

Temer tem como prioridade o suporte aos 5% mais pobres da população, cerca de 10 milhões de brasileiros. Ele quer focar os esforços em elevar o padrão de vida dessa parcela da sociedade, algo que foi criticado por Dilma Rousseff.


Fonte: R7