Blog / Adiberto Souza

Adiberto Souza

Adiberto de Souza tem mais de 35 anos de experiência profissional e atuou nas redações de todos os jornais de Aracaju, além de TVs e rádios sergipanos. Foi também correspondente do Jornal do Brasil em Sergipe e do jornal A Tarde (BA). Durante mais de 10 anos, foi editor de política do Jornal da Cidade, em Aracaju. Atualmente é editor e atua como assessor de comunicação.

« página inicial do blog
01/11/2016 às 11h09

Aracaju é um caos

Aracaju é um caos

Aracaju nunca teve uma administração tão desastrosa como esta do prefeito João Alves Filho (DEM). Abertas as urnas e proclamado o resultado do 2º turno, a grave crise começou a ser exposta. Desde ontem, a capital está sem coleta de lixo domiciliar, as duas principais unidades de saúde municipais foram fechadas, fornecedores cobram pagamentos atrasados, comissionados estão sem salários há meses, falta material para consertar as esburacadas ruas e avenidas, eticétera e tal. Defenestrado pelo eleitorado ainda no 1º turno das eleições, o prefeito João Alves Filho (DEM) jogou a toalha, deixando a cargo dos secretários a esculhambação em que transformou a Prefeitura. Como esta trupe seguirá bagunçando a coisa pública pelos próximos dois meses, não é possível prevê o tamanho da catástrofe administrativa a ser entregue ao prefeito eleito Edvaldo Nogueira (PCdoB). Lastimável!

Rejeitados nas urnas

O colunista Cláudio Humberto publica hoje que os eleitores rejeitaram quase 80% dos parlamentares que disputaram vagas de prefeitos e vices, domingo. Dos 81 deputados federais, 63 voltam ao Congresso com a rejeição elevada e preocupados com 2018. Entre estes se encontra o deputado federal Valadares Filho (PSB), derrotado na disputa pela Prefeitura de Aracaju.

Abra o olho

Desde as primeiras horas de hoje, as multas de trânsito custam mais do que valem muitos carros usados. Quem for flagrado dirigindo embriagado vai pagar R$ 2.934,70. A infração leve passou para R$ 88,38, a média subiu para R$ 130 e a grave custa agora quase R$ 200. Já as gravíssimas foram para quase R$ 300.A multa por usar o celular ao volante passou do grau médio para gravíssimo e o valor saltou de R$ 88 para R$ 293. Portanto, quem vacilar, terá que vender o carango para pagar a multa. Crendeuspais!

Desempregados

A derrotada do prefeiturável Valadares Filho (PSB) deixou desempregados o ex-deputado federal Bosco Costa (PROS) e o pastor Daniel Fortes (PTC). O primeiro viu escapar a chance de “herdar” o mandato parlamentar de Vavazinho, enquanto Fortes não ocupará a vaga de deputado estadual, que seria aberta se o também pastor Antônio Santos (PSC) fosse eleito vice-prefeito de Aracaju. Coisas da política!

Foguetório

O vice-governador Belivaldo Chagas (PMDB) promoveu um foguetório de 10 minutos em frente à casa da mãe, em Simão Dias, sua terra natal e também do senador Antônio Carlos Valadares (PSB), hoje seu arqui-inimigo. Vizinho à casa da mãe de Belivaldo fica a Rádio Tropical, pertencente a Zé Valadares, irmão do senador. A barulheira foi tão grande que a emissora transmitiu ao vivo, mesmo a contragosto. Assim que o foguetório parou, não faltaram xingamentos a Belivaldo. Esta informação está na edição de hoje do Jornal da Cidade.

Fique ligado

Termina às 17h desta terça-feira, a validade de eventuais salvos-condutos expedidos por juízes ou por presidentes de mesas receptoras em favor de eleitores que tenham sofrido violência na sua liberdade de votar, ou pelo fato de terem votado. Também termina às 17h de hoje, o período durante o qual nenhum eleitor pode ser preso ou detido, salvo em flagrante delito ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável ou por desrespeito a salvo-conduto.

Saco de pancadas

O médico sanitarista Antônio Samarone lembra que esta foi a quarta tentativa do senador Antônio Carlos Valadares (PSB) de conquistar a Prefeitura de Aracaju. Em 1988, Vavá lançou a candidatura do médico Lauro Maia que, apesar da campanha caríssima, perdeu para Wellington Paixão, apoiado por Jackson. Em 2000, o próprio Valadares disputou a prefeitura da capital, perdendo para Marcelo Déda. Em 2012 e agora em 2016, o senador tentou conquistar Aracaju, mas o filho Vavazinho (PSB) perdeu as duas eleições. Misericórdia!

Bate boca

Terminado o 2º turno, o governador Jackson Barreto (PMDB) esbanjou em xingamentos aos adversários. Entre outras coisas, disse ter vencido “essa quadrilha em 2012, em 2014, agora em 2016 e vamos vencer em 2018”. Referindo-se aos senadores Antônio Carlos Valadares e Eduardo Amorim (PSC), JB disse que “eles são moleques, irresponsáveis, incompetentes e não merecem respeito”. Amorim respondeu na mesma toada: “Este é um governo inconsequente. O estrago feito por este governadorzinho é para mais de 30 anos”. Aff Maria!

Almoço com negócios

A Associação Comercial e Empresarial de Sergipe promove nesta terça-feira, mais uma edição do tradicional Almoço com Negócios. O tema do encontro de hoje será “a importância da gestão estratégica e de marketing em tempos de competitividade”, ministrado pelo empresário Guilherme Costa. O evento acontece, a partir do meio dia, no Radisson Hotel, Orla de Atalaia.

Crise braba

Às vésperas do Dia de Finados, a procura por flores no comércio especializado caiu 31,8% em relação a 2015. Algumas lojas, inclusive, decidiram fechar as portas no feriado por considerarem que as vendas não compensam os custos do funcionamento da empresa. Entre os comerciantes do setor, 44%, acreditam que o valor médio das vendas das flores para o Dia de Finados ficará entre R$ 15 e R$ 30, podendo chegar a R$ 60.

Recorte de jornal

Publicado no Correio de Aracaju, em 1º de abril de 1910.

Resumo dos jornais

Postado por Adiberto Souza
Comentários