Blog / Adiberto Souza

Adiberto Souza

Adiberto de Souza tem mais de 35 anos de experiência profissional e atuou nas redações de todos os jornais de Aracaju, além de TVs e rádios sergipanos. Foi também correspondente do Jornal do Brasil em Sergipe e do jornal A Tarde (BA). Durante mais de 10 anos, foi editor de política do Jornal da Cidade, em Aracaju. Atualmente é editor e atua como assessor de comunicação.

« página inicial do blog
28/07/2016 às 08h15

Tiroteio verbal

Tiroteio verbal

Os primeiros confrontos verbais entre os apoiadores dos prefeituráveis de Aracaju permitem antever o quanto será baixo o nível da próxima campanha eleitoral. Em resposta às críticas feitas pelo governador Jackson Barreto (PMDB) sobre a aliança do PSC com o PSB, o deputado federal ficha suja André Moura disse estar acostumado a debater com grandes nomes nacionais, que JB é pequeno e um político em fim de carreira. Quem saiu em defesa de Jackson foi o presidente do PMDB, João Gama: “Esse rapaz tem costume é de se explicar à Polícia Federal, ao Ministério Público e à Justiça sobre os processos que responde por corrupção, formação de quadrilha e até tentativa de assassinato”. No dia anterior, o senador Eduardo Amorim (PSC) fustigou o governador por este ter “abandonado o estado em grave crise financeira e de segurança pública para curtir 15 dias de férias no exterior”. E olhe que este tiroteio verbal é apenas um esquenta do que vem por aí na campanha eleitoral. Decididamente, alguém precisa dizer aos candidatos e seus aliados que os ouvidos do povo não são penicos!

Cadê João?

Parece que o prefeito João Alves Filho (DEM) fez voto de silêncio. Há dias, o homem não dar um pio sobre os graves problemas de Aracaju, a maioria provocada por sua desastrosa administração. Nem mesmo as recorrentes notícias de que pretende desistir da reeleição são desmentidas ou confirmadas por ele. E pelo visto o silêncio de João é contagioso, pois até o falastrão super secretário Carlos Batalha anda calado. O que estaria acontecendo pras bandas da Prefeitura? Falem, falem!

Maria faz apelo

E a senadora licenciada Maria do Carmo (DEM) defende que o marido João Alves Filho dispute a reeleição. Segundo o portal Nenotícias, reunido ontem com a família, o prefeito ouviu o apelo da esposa para não fugir da raia. Maria é secretária municipal de Ação Social e se licenciou do Senado justamente para ajudar a pavimentar o caminho de João ao novo mandato. Pelo visto, está faltando desde pedra e cimento, a areia e coragem. Misericórdia!

Bateu o martelo

A galera da Igreja Universal aboletada no PRB decidiu, ontem à noite, apoiar o pré- candidato a prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB). O martelo foi batido após demorada conversa do governador Jackson Barreto (PMDB) com o prefeito de Canindé, Heleno Silva, e o deputado federal Jony Marcos. Os vários cargos ocupados no governo por filiados do PRB ajudaram a convencer os dois pastores. Aff Maria!

Dia do fico

E quem também deve abraçar a pré-candidatura de Edvaldo Nogueira (PCdoB) é o prefeito de Socorro, Fábio Henrique (PDT). Embora tenha declarado apoio ao projeto do PSB, o pedetista não apareceu ontem no ato de adesão do PSC e outros partidos ao prefeiturável Valadares Filho. Hoje, Fábio será recebido pelo governador Jackson Barreto, que recorrerá aos mesmos argumentos usados para convencer Heleno e Jony a apoiar o comunista.

Orai por eles!

Um missa campal daqui a pouco na Grota do Angico, divisa de Poço Redondo e Canindé, marcará o aniversário de morte do cangaceiro Virgulino Ferreira da Silva, o temido “Lampião”. Também serão lembrados a esposa ele, Maria Bonita, e os outros nove bandoleiros mortos pela Polícia alagoana no raiar do dia 28 de julho de 1938. Em sua 19ª edição, o ato religioso deve reunir estudiosos do cangaço, estudantes, moradores da região e turistas.

Ausência notada

O líder ficha suja deste governo temerário, deputado André Moura (PSC), foi a ausência mais notada no churrasco oferecido ontem, em Brasília, pelo ainda deputado federal Eduardo Cunha (PMDB). Antes de o peemedebista cair em desgraça, André não largava do pé do homem. Em todas as entrevistas de Cunha, o político sergipano aparecia de papagaio de pirata. Aliás, foi graças à benção de Cunha que Moura conseguiu a liderança do governo tampão. Estaria André temendo alguma coisa para se afastar tanto assim do outrora amigo do peito? Cruz credo!

Inimigos do povo

Você ainda lembra quais foram os vereadores que aprovaram o exagerado aumento do IPTU em Aracaju? Só para lembrá-lo, eis a relação dos inimigos do povo: Anderson de Tuca, Robson Viana, Dr. Agnaldo Feitosa, Adelson Barreto Filho, Manoel Matos, Valdir Santos, Renilson Felix, Dr. Gonzaga, Ivaldo José, Augusto do Japãozinho, Jailton Santana, Adriano Taxista e Agamenon Sobral. Coube ao presidente da Câmara, Vinícius Porto, o papel de orientar os outros a votarem contra o povo. Lembrem-se destes camaradas nas eleições deste ano.

PROS reunido

O Partido Republicano da Ordem Social (PROS) realizou ontem em Aracaju, seu 1º encontro estadual. Presidido em Sergipe pelo deputado federal Bosco Costa, o partido reafirmou seu apoio ao pré-candidato Valadares Filho (PSB), que fez questão de prestigiar o evento. Presidente do diretório aracajuano do PROS, o ex-vereador Morito Matos – aquela de bandana – vai disputar uma cadeira na Câmara de Aracaju.

Sai, mas fica

Após três mandatos seguidos de senador, Antônio Carlos Valadares (PSB) não pretende mais disputar a reeleição em 2018. Garante, porém, que não deixará a política. Estaria ele pensando em concorrer ao governo de Sergipe, numa coligação com o PSC do senador Eduardo Amorim e do deputado André Moura? Aguardemos!

Cultura no TCE

Amanhã tem Sexta Cultural no Tribunal de Contas de Sergipe. A programação prevê o relançamento dos livros “Versos em Flama”, de Waldemar Bastos Cunha, e “Simão Dias”, de Alina Paim e coordenação de Gilfrancisco. Haverá também exposição com obras do artista plástico Melcíades e apresentação musical de “Fados Tropicais” do Grupo Alentejo. Prestigie!

Recorte de jornal

Publicado no Correio de Aracaju, em 1º de janeiro de 1911.

Resumo dos jornais

Postado por Adiberto Souza
Comentários