Blog / Adiberto Souza

Adiberto Souza

Adiberto de Souza tem mais de 35 anos de experiência profissional e atuou nas redações de todos os jornais de Aracaju, além de TVs e rádios sergipanos. Foi também correspondente do Jornal do Brasil em Sergipe e do jornal A Tarde (BA). Durante mais de 10 anos, foi editor de política do Jornal da Cidade, em Aracaju. Atualmente é editor e atua como assessor de comunicação.

« página inicial do blog
06/07/2016 às 08h49

Assinatura sem valor

Assinatura sem valor

Cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral, o ex-deputado estadual Luciano Bispo (PMDB) segue afrontando o artigo 257 do Código Eleitoral, que determina o imediato cumprimento da punição. A situação agrava-se porque, como presidente da Assembleia, o ex-parlamentar assinou uma série de documentos após o dia 24 de maio último, quando foi cassado e considerado inelegível pela unanimidade do TSE. Ora, se a legislação impõe que a cassação encontra-se apta a produzir efeitos tão logo seja publicada, estão nulos todos os atos praticados por Luciano enquanto presidente do Legislativo. Espera-se que o Tribunal Regional Eleitoral faça cumprir a lei o mais rápido possível, visando impedir que o ex-deputado siga respondendo ilegalmente pelo Legislativo sergipano.

Sem urgência

Enquanto o povo sonha em ver o país passado a limpo, este governo temerário quer distância dos projetos anticorrupção que tramitam no Congresso. Hoje mesmo, o deputado André Moura (PSC), líder ficha suja deste governo biônico, deve retirar os pedidos de urgência para as proposituras anticorrupção que tanto incomodam o Palácio do Planalto. Por que será?

Acordo fechado

Está praticamente fechado o apoio do prefeito de Socorro, Fábio Henrique (PDT), ao prefeiturável Zé Franco (PSDB), que terá como parceiro de chama o pedetista Kleverton Siqueira. O entendimento prevê ainda o apoio de Fábio Henrique e do PRB de Heleno Silva e do deputado pastor Jony ao pré-candidato a prefeito de Aracaju, Valadares Filho (PSB).

Vão às urnas

O Tribunal de Justiça de Sergipe escolhe hoje um novo desembargador. Disputam a vaga aberta com a aposentadoria do desembargador Cláudio Dinart Déda, os seguintesmagistrados: João Hora Neto, Maria Angélica França e Souza, José Pereira Neto, José Anselmo de Oliveira, Ana Lúcia Freire de Almeida dos Anjos, Maria da Conceição da Silva Santos, Bethzamara Rocha Macedo, Marcel de Castro Britto, Ana Bernadete Leite de Carvalho Andrade, Manoel Costa Neto, Áurea Corumba de Santana, Gardênia Carmelo Prado e Sérgio Menezes Lucas.

PHS com João

Enquanto Aracaju sofre com a greve dos servidores da saúde, o prefeito João Alves Filho (DEM) foi à Brasília receber o apoio do PHS. Com ele viajaram o vice José Carlos Machado (PSDB) o deputado estadual afastado Augusto Bezerra e o vereador Agamenon Sobral. Para apoiar João, o PHS exige que ele escolha Machadão como seu parceiro de chapa. Aguardemos!

Emendas coletivas

A bancada de Sergipe no Congresso fechou acordo em torno de três emendas coletivas ao projeto de Diretrizes Orçamentárias de 2017. As propostas defendem recursos para ampliação do aeroporto de Aracaju, melhorias na Zona de Expansão da capital e construção do Hospital do Câncer. A reunião da bancada foi presidida pelo senador Antônio Carlos Valadares (PSB).

Gastos suspeitos

Veja o que publica o jornal Estadão: “A Secretaria Nacional da Juventude vai pedir à CGU uma auditoria para apurar os gastos da gestão anterior, o que inclui R$ 619 mil com diárias e passagens, de janeiro a junho. O déficit orçamentário do órgão já ultrapassa os R$ 150 mil. O atual secretário, Bruno Júlio, recebeu o cargo do petista Jefferson Lima”. Sergipano, Jefferson foi nomeado para o cargo pela presidente Dilma Rousseff, (PT). 

Inimigos do povo

Você ainda lembra os nomes dos vereadores que, em 2013, votaram pela criação da Taxa de Iluminação Pública de Aracaju? Para refrescar sua memória, segue a relação dos inimigos do povo: Agamenon Sobral, Anderson de Tuca, Augusto do Japãozinho, Doutor Agnaldo Feitosa, Doutor Gonzaga, Robson Viana, Pastor Jony, Jailton Santana, Manoel Marcos, Renilson Félix, Pastor Roberto Moraes, Max Prejuízo, Ivaldo José, Adriano Taxista e Valdir Santos. O presidente da Câmara, Vinicius Porto, não votou, mas trabalhou pela aprovação do projeto. Lembre-se desses suplicantes nas eleições deste ano.

Tortura nunca mais

“A tortura e o regime militar em Sergipe” é o tema da palestra a ser proferida pelo ex- preso político Milton Coelho, torturado e cego nas dependências do quartel do Exército, em Aracaju. Será às 17h de amanhã (7), no campus da Universidade Federal de Sergipe. Coordenado pelo professor José Afonso do Nascimento, o evento visa socializar a memória de presos políticos e torturados junto às novas gerações de brasileiros. Prestigie!

No Livro de Aço

E o nome do Cacique Serigy será incluído no “Livro de Aço”, também conhecido como “Livro dos Heróis da Pátria”, que se encontra no Panteão da Liberdade e da Democracia, em Brasília. De autoria do deputado federal Valadares Filho (PSB), projeto nesse sentido foi aprovado pela Comissão de Cultura da Câmara. O parlamentar lembra que o nome de Sergipe advém de Serigy, herói que defendeu seu povo contra os colonizadores portugueses.

Revolta do mar

Todos os anos, o mar cobra com juros e correção seu espaço, que em Sergipe tem sido invadido pela construção civil. Na Praia do Saco, em Estância, as fortes ondas já destruíram o calçamento e ameaçam alguns imóveis. Enquanto o poder público faz vistas grossas para a devastação de dunas, o mar não quer acordos e, de quando em vez, cobra os espaços que lhe tomaram criminosamente. Bem feito!

Recorte de jornal

Publicado no jornal O Paulistano, de Frei Paulo, em 23 de agosto de 1931.

Resumo dos jornais

Postado por Adiberto Souza
Comentários