Blog / Adiberto Souza

Adiberto Souza

Adiberto de Souza tem mais de 35 anos de experiência profissional e atuou nas redações de todos os jornais de Aracaju, além de TVs e rádios sergipanos. Foi também correspondente do Jornal do Brasil em Sergipe e do jornal A Tarde (BA). Durante mais de 10 anos, foi editor de política do Jornal da Cidade, em Aracaju. Atualmente é editor e atua como assessor de comunicação.

« página inicial do blog
09/05/2016 às 08h15

Cotas e contradição

Cotas e contradição

A abertura, nesta segunda-feira, das inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), traz à tona um tema muito polêmico entre a juventude: as cotas. Parece haver uma grande contradição por parte dos estudantes de escolas particulares ao condenarem as cotas para alunos de escolas públicas ingressarem no ensino superior. Nas entrelinhas do discurso desses bem criados jovens, fica evidente a forma discriminatória como enxergam o ensino público. Por vezes, chegam a insinuar que os beneficiados pelo sistema de cotas são incapazes de cursar uma universidade. É aí que está a contradição: ora, se eles acham que só as caríssimas escolas particulares preparam o jovem para o futuro, por que se esforçam tanto para ingressar na Universidade Federal de Sergipe, que nada mais é do que uma escola pública, excelente por sinal? Com essa visão equivocada da realidade, estes estudantes, que tanto discriminam o ensino público, deveriam virar as costas para a UFS e tentar conseguir vagas somente nas faculdades e universidades particulares.

Invasão das águas

Desde que a Prefeitura de Aracaju aterrou parte do Rio Sergipe, as marés cheias têm inundado uma área bem maior do bairro Treze de Julho. Segundo o internauta Julio Cesar Vieira Soares, a explicação para o fenômeno é simples: “O aterro está mudando o perfil de resposta, ou seja, uma maré de uma mesma altura será muito mais violenta que no passado, pois os bancos de areia estão aumentando e subindo!”.

Auxílio-vergonha

Agora, só falta o Tribunal de Contas de Sergipe suspender o pagamento do retroativo do auxílio-moradia a seus conselheiros. Depois dos procuradores e promotores de Justiça, a semana passada foi a vez de os magistrados de Sergipe serem impedidos de continuarem recebendo o tal auxílio retroativamente. Vale ressaltar que a liminar proibindo o pagamento do estranho benefício ao pessoal do TJ foi proposta pelo deputado estadual Georgeo Passos (PTC).

BRT Paraguaio

Bem que a Prefeitura de Aracaju poderia homenagear o Club Sportivo Sergipe - novo campeão estadual -, repintando de vermelho as faixas azuis do BRT paraguaio. Aliás, dizem que a escolha das cores azul e branca para dividir as avenidas por onde passam os ônibus articulados visou homenagear o Confiança, que desfilava com pinta de futuro campeão sergipano. Homem, será?

Reparo

Diferente do que a coluna informou, o deputado estadual Robson Viana (PTN) não está sendo investigado no inquérito aberto para apurar possíveis desvios e “lavagem” das verbas indenizatórias da Câmara de Aracaju. O parlamentar revela que, ao ser procurado para falar do período em que esteve na Câmara, apresentou documentos comprovando ter usado corretamente as citadas verbas. Sob a coordenação da delegada Daniele Garcia, o inquérito investiga 15 dos 24 vereadores da capital.

Há vagas

O barulhento rompimento do PSB com o governador Jackson Barreto (PMDB) vai abrir mais de 100 “empregos” no Executivo sergipano. Fazem parte da cota do PSB a Secretaria da Cultura, a Fundação Aperipê e outros 100 cargos comissionados espalhados pelas diversas secretarias e estatais. Por sugestão do presidente do PSB e prefeiturável Valadares Filho, todos os filiados ao partido devem entregar os cargos imediatamente.

João festeja

E quem gostou da briga entre Jackson e os Valadares foi o prefeito de Aracaju, João Alves Filho (DEM). O demista entende que a divisão dos governistas só lhe beneficia na disputa da reeleição. Não é à toa que, dia sim outro também, os vereadores ligados a João fazem discursos na Câmara criticando o prefeiturável Valadares Filho (PSB). Essa briga promete!

Prepare o bolso

O preço da tarifa dos ônibus intermunicipais que circulam em Sergipe está 7,23% mais caro desde os primeiros minutos desta segunda-feira. O reajuste vale, inclusive, para os coletivos controlados por cooperativas, tipo Coopertalse. O reajuste foi concedido pelo Conselho Estadual de Transporte e atendeu reivindicação dos empresários do setor.

Segunda classe

E o empresário Ricardo Franco (DEM) voltou à condição de suplente de senador. É que  a titular Maria do Carmo Alves (DEM) reassumiu o mandato exclusivamente para votar favorável ao impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT). Mesmo sabendo que seu reserva votaria contra a petista, dona Maria optou em ela mesma dizem sim ao impedimento. Este voto conta muito na hora em que o futuro presidente biônico Michel Temerário (PMDB) for lotear os cargos federais existentes em Sergipe.

Dou-lhe uma...

Ônibus e terrenos da Empresa Senhor do Bomfim serão leiloados, dia 20 próximo, pelo Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região. O pregão visa garantir recursos para pagar dívidas trabalhistas da concessionária. Ao todo, serão leiloados terrenos, avaliados em R$ 30 milhões, e um lote de ônibus com valor total de R$ 15 mil. O leilão acontecerá no auditório do TRT, em Aracaju, ou na forma eletrônica.

Cortando prego

A Procuradoria Geral da República recebe nos próximos dias a planilha da Construtora Odebrecht. Trata-se daquela relação com os nomes de 316 políticos que teriam recebido dinheiro da empreiteira nas últimas campanhas eleitorais. Embora apareça na relação, o prefeito de Aracaju, João Alves Filho (DEM), jura de pés juntos que nunca recebeu grana da Odebrecht. Então, tá!

Recorte de jornal

Publicado no jornal A Cruzada, em 31 de dezembro de 1966.

Resumo dos jornais

Postado por Adiberto Souza
Comentários