Blog / Adiberto Souza

Adiberto Souza

Adiberto de Souza tem mais de 35 anos de experiência profissional e atuou nas redações de todos os jornais de Aracaju, além de TVs e rádios sergipanos. Foi também correspondente do Jornal do Brasil em Sergipe e do jornal A Tarde (BA). Durante mais de 10 anos, foi editor de política do Jornal da Cidade, em Aracaju. Atualmente é editor e atua como assessor de comunicação.

« página inicial do blog
29/01/2016 às 08h00

Política na folia

Política na folia

Travestidos de foliões, os políticos vão aproveitar o Carnaval que se avizinha para as conversas de bastidores, enquanto medem a popularidade junto aos brincantes. Muitos deles já estarão hoje à noite, na prévia do Carro Quebrado, em Aracaju. Durante a fuzarca, alguns, inclusive, pedem aos músicos que os citem entre uma marchinha e outra. A folia momesca funcionará como um bom termômetro para as eleições municipais deste ano. Na capital, devem se destacar os blocos políticos liderados pelo prefeito e candidato a reeleição João Alves Filho (DEM) e pelos prefeituráveis Valadares Filho (PSB), Edvaldo Nogueira (PCdoB), Zezinho Sobral (PMDB) e Eduardo Amorim (PSC). Antenada, a imprensa acompanhará tudo, na tentativa de anotar as conversas mais apimentadas dos bastidores.

Mato sem cachorro

E o governador Jackson Barreto (PMDB) parece meio atordoado com a briga entre o secretário da Segurança, Mendonça Prado, e o comandante da Polícia Militar, Maurício Iunes. Entrevistado pela jornalista Aldaci de Souza, JB não escondeu o embaraço: “Eu nem sei se é crise, se é divergência. É um pouco de, sei lá! Não consigo delimitar essas coisas”. Mesmo tonto com a confusão dos auxiliares, o governador prometeu uma definição antes do Carnaval. Até lá, o povo continua no mato sem cachorro. E sem segurança também!

Pelos ares

Enquanto Mendonça Prado (SSP) e Maurício Iunes (PM) se dão ao luxo de discutir veleidades - como diz Jackson -, assaltantes fortemente armados dinamitaram a agência do Banese, em Poço Redondo. Não precisaram gastar munição durante a fuga, pois a Polícia só apareceu no local da explosão quase uma hora depois. Uma Lástima!

Cabo eleitoral

O mosquito Aedes aegypti tem sido um bom cabo eleitoral para o secretário da saúde, o prefeiturável Zezinho Sobral (PMDB). Com o fito de orientar o povo sobre o perigo da dengue, zika e chikungunya, o moço tem feito palestras na periferia de Aracaju. No último colóquio com o eleitorado, ocorrido no bairro Nova Liberdade, Zezinho estava acompanhado pelo presidente da Assembleia, deputado Luciano Bispo (PMDB), o ex- vereador Carlinhos do Santos Dumont e vários líderes comunitários. Como é sabido, todos estes entendem muito mais de política do que de Aedes aegypti.

Mentirão

A Prefeitura de Aracaju realiza, neste sábado, mais uma edição do programa Prefeitura nos Bairros. Será a partir das 7h, no Conjunto Bugio e prevê capinação de ruas e praças, coleta de lixo, campanha contra o mosquito Aedes aegypti, além de exames de glicemia e pressão arterial. Na verdade, essa é mais uma ação de cunho político, visando melhorar a desgastada imagem do prefeito João Alves Filho (DEM). A iniciativatambém escancara a fragilidade da administração municipal, pois se a prefeitura oferecesse os serviços regularmente, não haveria necessidade destes mentirões. Dizer o contrário é tentar iludir a população.

Vem aí o arame

O governo de Sergipe começa a pagar a folha de janeiro nesta sexta-feira. Hoje à noite serão depositados os salários dos professores ativos. Os servidores celetistas receberão no 5º dia útil de fevereiro. Já os aposentados e estatutários só verão a cor do dinheiro no próximo dia 11. A Secretaria de Comunicação informou que, como possuem recursos próprios, as autarquias pagarão a folha dentro do mês.

Imperdoável

“Não perdoo torturadores. Achei um erro a Lei de Anistia ter perdoado esses animais bárbaros, selvagens”. A afirmação é do ex-preso político Bosco Rollemberg (PCdoB), que foi ouvido ontem pela Comissão Estadual da Verdade. O comunista contou ao Jornal da Cidade que ao ser preso, durante a ditadura militar, sentiu-se no inferno: “Eles me encapuzaram, algemaram, colocaram uns óculos de borracha, me deram murros, pontapés, choques elétricos nas orelhas, na língua, no pênis e nas nádegas, além da tortura psicológica”. Cruz credo!

IPTU menor

O prefeiturável Valadares Filho (PSB) está prometendo incluir em seu plano de governo para Aracaju a revisão dos elevados valores do IPTU. Este ano, o tributo foi reajustado em mais de 100%. Vavá Júnior considera o aumento abusivo, “fora da realidade atual do Brasil. Vamos propor valores justos e que estejam de acordo com o orçamento dos contribuintes”. Então, tá!

Contra golpe

E o prefeito de Socorro, Fábio Henrique (PDT), está querendo melar a ideia do deputado estadual padre Inaldo (PCdoB) de levar para aquele município o Centro de Atendimento ao Cidadão (Ceac). O parlamentar propôs ao governador Jackson Barreto (PMDB) implantar a unidade no Shopping Prêmio. Agora, Fábio está sugerindo que o Ceac seja instalado no antigo mercado municipal, localizado no conjunto residencial João Alves. Promete, inclusive, restaurar o prédio e repassá-lo para o governo sem custo.

Braços cruzados

Os servidores da administração direta do Estado decidiram cruzar os braços a partir do próximo dia 4. A greve visa pressionar o governo a implantar o Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos (PCCV). Outro motivo da paralisação é o parcelamento do 13º salário em seis meses. O movimento paredista deve afastar das repartições públicas cerca de oito mil servidores.

Caretas nas ruas

Ribeirópolis promove, amanhã e domingos, a tradicional Festa de Reis. A celebração, que acontece sempre uma semana antes do Carnaval, tem em sua programação um folguedo diferente: a Festa das Caretas. Nesta brincadeira, a população sai pelas ruas, logo ao raiar do dia, usando máscaras. Uma banda de pífano acompanha o cortejo, fazendo a alegria dos foliões. Muitos levam tintas para pintar os participantes, deixando a festa ainda mais colorida e animada. Prestigie!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano O Nordeste, em 22 de março de 1958.

Resumo dos jornais

Postado por Adiberto Souza
Comentários