Blog / Adiberto Souza

Adiberto Souza

Adiberto de Souza tem mais de 35 anos de experiência profissional e atuou nas redações de todos os jornais de Aracaju, além de TVs e rádios sergipanos. Foi também correspondente do Jornal do Brasil em Sergipe e do jornal A Tarde (BA). Durante mais de 10 anos, foi editor de política do Jornal da Cidade, em Aracaju. Atualmente é editor e atua como assessor de comunicação.

« página inicial do blog
26/01/2016 às 08h10

Brigões de Jackson

Brigões de Jackson

Nunca a segurança pública em Sergipe esteve tão desacreditada quanto agora. O principal motivo da descrença popular na Polícia é a crescente onda de violência registrada em Sergipe e a ausência de um projeto coerente para enfrentar a criminalidade, cada vez mais ousada. Também contribuem para esta crise as brigas entre o comandante da Polícia Militar, coronel Maurício Iunes e o secretário Mendonça Prado. A situação é tão calamitosa que o próprio governador Jackson Barreto (PMDB já fez um apelo público ao comando da PM para melhorar a segurança de Santa Rosa de Lima, sua terra natal. Tomara que Jackson encontre logo uma saída para esta confusão vivida pela Polícia, pois enquanto Iunes e Mendonça brigam, a bandidagem ataca o patrimônio dos sergipanos e mata as pessoas por qualquer motivo. Sergipe não merece isso!

Tucano reage

As críticas feitas pelo presidente do PSDB, Pedrinho Barreto, à forma de fazer política do prefeito aracajuano João Alves Filho (DEM), desagradaram o vereador tucano Adriano Taxista. “Acho que antes de se posicionar politicamente sobre a aliança política, o nosso presidente deve conversar com o grupo”, reclamou o parlamentar, que faz parte da bancada de João Alves na Câmara. Embora tenha permanecido calado, o vice-prefeito José Carlos Machado (PSDB) não gostou das bicoradas aplicadas no prefeito pelo tucano presidente.

Atraso incomoda

Um gaiato dizia ontem que se fosse possível, a secretária da Família e da Assistência Social de Aracaju, senadora Maria do Carmo (DEM), continuava recebendo pelo Senado. “É que lá a grana sai dentro do mês e no dia certo, enquanto na Prefeitura o salário atrasa mais de 20 dias”.

Inimigos do povo

E você ainda lembra quais foram os vereadores de Aracaju que aprovaram o absurdo aumento de 14,81% no preço da passagem de ônibus? Para que ninguém os esqueça, segue a relação: Adriano Taxista (PSDB), Agamenon Sobral (PHS), Augusto do Japãozinho (PRTB), Agnaldo Feitosa (PR), Gonzaga (PMDB), Manuel Marcos (DEM), Ivaldo José (PSD), Renilson Félix (DEM), Valdir dos Santos (PT do B) e Vinicius Porto (DEM). Sem coragem de votar contra o reajuste, Adelson Barreto (PSL) e Jailton Santana (PSC) se abstiveram, enquanto Bigode do Santa Maria (PMDB) “sumiu” na hora da votação. Não esqueça esses suplicantes quando for à urna nas eleições deste ano.

Passando a limpo

A Comissão Estadual da Verdade realiza sua primeira sessão pública nesta terça-feira. Será a partir das 9h, no Museu da Gente Sergipana, em Aracaju. O primeiro a ser ouvido é o petroleiro Milton Coelho, que foi preso, torturado e cego por militares do Exército no quartel do 28º Batalhão de Caçadores. Entre os depoentes também estão os ex-presos políticos Wellington Mangueira e Bosco Rollemberg.

Operação Navalha

Começam hoje na 1ª Vara Federal os depoimentos das testemunhas de acusação no rumoroso processo da Operação Navalha, deflagrada em 2017 e que resultou na prisão de várias pessoas. Entre os processados por peculato e corrupção estão o prefeito de Aracaju, João Alves Filho (DEM), o conselheiro aposentado do Tribunal de Contas, Flávio Conceição, o empresário João Alves Neto, o ex-deputado estadual César Mandarino e o dono da construtora Gautama, Zuleido Veras.

Sem chance

E o Tribunal Regional Eleitoral rejeitou ontem o embargo de declaração impetrado pelo deputado Zezinho Guimarães (PMDB). Ele e outros seis parlamentares estaduais foram cassados sob a acusação de terem se beneficiado com as verbas de subvenção da Assembleia. O TRE rejeitou os embargos de declaração de todos. Agora, eles vão recorrer ao TSE na esperança de terem uma melhor sorte.

Volta ao batente

O presidente da Assembleia, Luciano Bispo (PMDB), marcou para amanhã a convocação extraordinária visando votar projetos do Governo. O principal trata sobre a renegociação da dívida do Estado com a União visando reduzir a taxa de juros. Os deputados não receberão nada pelo dia extra de trabalho. Ainda bem!

Eleitorado cresce

De 2012 até agora, o eleitorado sergipano cresceu 7%. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral, 1.482.916 pessoas estão aptas a votar nas eleições municipais deste ano. Isso significa dizer que no período foram cadastrados em Sergipe cerca de 98 mil novos eleitores. Em 2012, o Estado contava com 1.386.366 em condições de votar. Segundo o TRE, de janeiro e dezembro de 2015, houve um incremento de 26.334 novos eleitores em Sergipe.

Disputa segue

O Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região realiza, dia 18 próximo, sessão para escolher na lista sêxtupla quais serão os três advogados que disputarão a vaga do Quinto Constitucional. Depois de eleita, a lista tríplice será enviada para a presidente Dilma Rousseff (PT), a quem caberá indicar o novo desembargador do TRT. Os seis concorrentes são Thenisson Santana Doria, Marcos Alexandre Costa de Souza Povoas, Jose Alvino Santos Filho, Maria do Carmo Déda Chagas de Melo, Bruno Loeser Prado de Oliveira e Cristiano Cesar Braga de Aragão Cabral.

Porta errada

O governador Jackson Barreto foi ontem à direção do Banco do Nordeste, em Fortaleza, reclamar contra a elevação da taxa de juros do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE). A taxa, que já foi de 3% ao ano, saltou para até 12%. O presidente do BNB, Marcos Costa Holanda, ouviu a queixa de Jackson, mas não tem como fazer nada, pois quem define taxas de juros no Brasil é o Conselho Monetário Nacional.

Recorte de jornal

Publicado no aracajuano Diário da Tarde, em 1º de dezembro de 1933.

Resumo dos jornais

Postado por Adiberto Souza
Comentários